Afinal de Contas

por Marcelo Soares

 -

Marcelo Soares escreve sobre dados e o que eles podem revelar

PERFIL COMPLETO

Publicidade
Publicidade

O que se recicla no Brasil

Por Marcelo Soares

Foto: Lucas Lima/Folhapress

Ontem, durante a Rio+20, o IBGE divulgou um relatório de Indicadores de Desenvolvimento Sustentável. Ele traz dados de todo tipo: novos e velhos, próprios e compilados.

Uma planilha interessante é a de proporção de material reciclado em atividades industriais no Brasil entre 1993 e 2009. Ela é feita a partir de informações das associações da indústria de cada tipo de material.

LEIA MAIS
Produtos reciclados na indústria, 1993-2009 (Google Docs)
Indicadores do Desenvolvimento Sustentável 2012 (IBGE)
Pesquisa Nacional de Saneamento Básico (IBGE)

Nessa planilha, é possível ver que o setor de latas de alumínio reciclava em 2009 98,2% do seu material, contra 50% em 1993. Logo em seguida, vinham as embalagens PET, reciclando 55,6%. Em 1994, eram o setor que menos reciclava, com 18,8%. O último são as embalagens longa-vida, que em 2009 reciclavam apenas 22,2% do produto.

Segundo a análise do IBGE, as latinhas de alumínio são mais recicladas porque valem mais no mercado de reciclagem. Já embalagens longa-vida cresceriam menos devido à dificuldade de separar os componentes – papel, alumínio e plástico.

De acordo com o instituto, “a melhor forma de ampliar os níveis de reciclagem de materiais no Brasil é ampliar a coleta seletiva.”

O problema: coleta seletiva no Brasil, segundo o próprio IBGE, é uma raridade. Em 2008, apenas um em cada seis dos 5.565 municípios brasileiros tinham coleta seletiva em atividade. Ainda assim, a maior parte se concentra no sul-sudeste.

Clique no mapa abaixo para ver cidade por cidade:

Mesmo nos municípios que têm coleta seletiva, ela não ocorre todo dia, talvez nem em todos os bairros. E sempre tem o fator de combinar com o morador – você dá conta de separar todo o lixo que sua casa produz?

Conte sua experiência com reciclagem aqui nos comentários.

Blogs da Folha

Mais acessadas

Nada encontrado
Publicidade
Publicidade
Publicidade